Mais do que amor, os animais de estimação necessitam de ser adquiridos legalmente, garantindo a saúde e evitar o tráfico dos mesmos.

cão1

No entanto, é pouco comum que os donos que adquiram animais, mesmo que doentes, tenham coragem de devolvê-los ou queiram o seu dinheiro de volta. Alerta-se ainda que comprar animais em “feiras” ou canis ilegais, corre sérios riscos de levar para casa um animal doente, ou com um atestado falso de vacina.

Existe uma lei reguladora que proíbe a venda de animais em áreas públicas.

De acordo com a lei, os filhotes devem ser vendidos com vacinas em dia, vermifugados e devidamente certificados.

O comerciante é obrigado a emitir nota fiscal, manter um veterinário responsável pelas ninhadas, além de fornecer uma carta explicativa sobre a raça que está a vender.

Mesmo com estas exigências todas, ainda há pouca informação e fiscalização. E é necessário defender os filhotes dos criadores clandestinos, que a partir de animais de bons pedigrees, criam animais indiscriminadamente, chegando a cruzar animais irmãos, além de haver a possibilidade de compra de certificado de pedigree falso.

cão2

Depois da compra

Caso tenha sido vítima de comerciantes criminosos e tenha adquirido um animal doente, é muito importante ter a comprovação da compra, contrato da venda e os contactos do vendedor. Vale a pena lembrar, que para evitar passar por esta situação é aconselhável não comprar animais por impulso, em qualquer lugar, de qualquer pessoa, “porque nestes casos não existem garantias”. Não confie nos vendedores de rua.

Para além de cobrar indemnização por toda a despesa com veterinários, internamentos e medicamentos, o dono pode até processar o estabelecimento por danos morais, caso o animal venha a falecer.

Antes da Compra

Um ponto importante é utilizar a internet para pesquisar locais seguros para a compra, mas nunca adquirir animais online. “Bons criadores mantêm sites com muitas imagens de suas instalações porque tem orgulho delas, o que não ocorre com falsos criadores”.

Tenha paciência na hora da compra e nunca aceitar um cão com menos 45 dias de vida e sem pelo menos uma dose de vacina múltipla, estas são atitudes muito responsáveis. Para finalizar, falemos na adopção dos animais. Existem muitos animais saudáveis, lindos, para adopção, com um bónus, estão cheios de amor para dar.

cao3